Última hora

Última hora

Murdoch: "O dia mais humilhante da minha vida"

Em leitura:

Murdoch: "O dia mais humilhante da minha vida"

Tamanho do texto Aa Aa

Rupert Murdoch considera o dia de hoje, em que começou a ser ouvido pela comissão parlamentar de investigação das escutas telefónicas, o mais humilhante de toda a vida.

O magnata começou a ser ouvido juntamente com o filho James, patrão da filial britânica do grupo News Corporation, e negou ter conhecimnento das atividades ilegais.

Palavras de um homem que controla um império que se estende a todo o mundo, numa altura em que há protestos a pedir um maior controlo deste tipo de derrapagens.

O escândalo fez rolar cabeças também na Scotland Yard. O chefe da Polícia Metropolitana de Londres, Paul Stephenson e o adjunto John Yates demitiram-se depois de se saber que houve jornalistas a pagar luvas à polícia a troco de informações e para que os agentes fechassem os olhos à prática de escutar políticos e celebridades.