Última hora

Última hora

Sérvia: Goran Hadzic finalmente detido

Em leitura:

Sérvia: Goran Hadzic finalmente detido

Tamanho do texto Aa Aa

Goran Hadzic, o último fugitivo reclamado pelo Tribunal Penal Internacional para a ex-Jugoslávia, foi hoje detido.

Hadzic, de 52 anos, foi formalmente acusado pelo TPI em 2004 de crimes de guerra e crimes contra a humanidade cometidos durante a guerra da Croácia entre 1991 e 1995.

Em fuga desde então, era o único dos suspeitos de crimes cometidos durante as guerras dos Balcãs que ainda não tinha sido capturado.

O anúncio da detenção foi feito por Boris Tadic, presidente da Sérvia:

“No caso de Osama bin Laden, trabalhou-se muito e durante muito tempo – quase uma década. No final colheram-se os frutos e houve muita eficácia.

Estamos perante a mesma situação. Trabalhámos árdua e sistematicamente, e agora está dado por terminado”, disse.

Detido às 08:24 locais, Hadzic foi presente ao tribunal especial para os crimes de guerra de Belgrado.

Segundo a legislação do país, o prazo máximo para que seja transferido para Haia é de oito dias, a contar da comparência no tribunal sérvio.