Última hora

Última hora

Reino Unido: Cameron acusa oposição de aproveitamento político do caso das escutas ilegais

Em leitura:

Reino Unido: Cameron acusa oposição de aproveitamento político do caso das escutas ilegais

Tamanho do texto Aa Aa

No inquérito do parlamento britânico sobre as escutas telefónicas, hoje foi a vez de David Cameron se exprimir perante os deputados.

O debate teve vários momentos de tensão, com o primeiro-ministro a defender-se e a acusar a oposição de se estar a aproveitar politicamente do caso.

Ed Miliband, o líder trabalhista, acusou Cameron de ter sido avisado do escândalo mas ter preferido ignorar as advertências.

O chefe do governo admitiu que não devia ter contratado Andy Coulson, a serem verdadeiras as acusações tornadas públicas, mas recusa responsabilidades pessoais.

Andy Coulson pediu a demissão, em janeiro, do cargo de diretor de comunicação de Cameron, após meses de pressões sobre as escutas telefónicas ilegais na altura em que era chefe de redação do semanário News of The World.