Última hora

Última hora

Síria: dia de orações e protestos em massa

Em leitura:

Síria: dia de orações e protestos em massa

Tamanho do texto Aa Aa

Nesta sexta-feira, dia de oração, a Síria viveu mais uma onda de confrontos e manifestações.

Enquanto em Homs continuam os combates, a cidade de Deir Ezzor, no leste do país, viveu uma das maiores manifestações de sempre, em que participaram mais de 400.000 pessoas.

As manifestações contra o regime de Bashar el-Assad juntam cada vez mais pessoas, em cidades um pouco por toda a Síria.

Esta sexta-feira foi decretada, por alguns grupos, como a “sexta da Unidade Nacional” e, por outros, como a “sexta dos netos de Walid”, fazendo homenagem a um guerrilheiro seguidor do profeta Maomé.

A capital, Damasco, foi também palco de grandes manifestações.

Mas os protestos não se limitam à Síria. As embaixadas do país, um pouco por todo o mundo, são palco de protestos contra o regime de el-Assad. Foi o que aconteceu em Amã, na Jordânia, onde os manifestantes pediram uma intervenção por parte da liga árabe.