Última hora

Última hora

Testemunhas insistem na frieza de Breivik

Em leitura:

Testemunhas insistem na frieza de Breivik

Tamanho do texto Aa Aa

No dia em que mais vítimas norueguesas foram identificadas, surgem mais testemunhos dos cerca de 500 sobreviventes da ilha de Utoya.

Nikolas Dale Skierpning escapou com vida. Ele conta o que viu e sentiu. “Nós vimos pessoas baleadas, mortas. No entanto, à primeira vista não se percebia, quando as vi pensava que estavam escondidas porque tinham os olhos abertos e não havia sangue. Quando me aproximei é que me apercebi (…) ele estava muito calmo a andar um lado para outro, nunca correu, nunca gritou. Ele violou a confiança ao matar tanta gente”, disse o jovem.

Ao todo morreram 76 pessoas, 68 das quais na ilha a poucos quilómetros de Oslo. Muitas perderam a vida afogadas, quando tentavam escapar.