Última hora

Última hora

Ataque cibernético de nível mundial pode ter sido organizado por um Governo

Em leitura:

Ataque cibernético de nível mundial pode ter sido organizado por um Governo

Tamanho do texto Aa Aa

Peritos em segurança descobriram uma série de ataques cibernéticos sem precedentes,

que atingiram 72 organizações, onde se inclui as Nações Unidas e vários governos.

A revelação foi feita pela empresa de segurança McAfee, que, sem apontar nomes, acredita que o ataque foi ação de um país.

Outros peritos indicaram a China como possível responsável.

“ Acreditamos que é uma ação realizada com o apoio de um Estado, simplesmente pelo tipo de organizações que foi atacada. Como a Agência Mundial Antidoping, é o tipo de alvo do qual não se tira nenhum beneficio económico”, afirmou Toralv Dirro, da McAfee, em conferência de imprensa, esta quarta-feira, em Las Vegas.

No caso das Nações Unidas, os hackers entraram no sistema do secretariado de Genebra, em 2008, e aí permaneceram durante perto de dois anos.

A longa lista de vítimas, dos ataques realizados ao longo de cinco anos, inclui, ainda, os governos dos Estados Unidos, Taiwan, Índia, Coreia do Sul, Vietname e Canadá; assim como o Comité Olímpico Internacional, a Associação de Nações do Sudeste Asiático e um vasto grupo de empresas de segurança e de alta tecnologia.