Última hora

Última hora

Wall Street abre em alta

Em leitura:

Wall Street abre em alta

Tamanho do texto Aa Aa

As bolsas norte-americanas abriram em alta, em dia de reunião da Reserva Federal.

Os investidores esperam que a Fed reforce os estímulos à economia, numa altura de abrandamento e de corte da notação dos Estados Unidos.

Os deputados alemães da coligação governamental querem que Itália e Espanha vendam reservas de ouro para baixar a dívida. Eis a resposta do analista Robert Halver: “Ainda vivemos tempos difíceis, numa montanha russa. Os mercados bolsistas e este tipo de cacofonia dos políticos é uma loucura absoluta. É ingénuo ter estas suposições e sugestões dos políticos a dizer o que podemos fazer para nos livrarmos dos problemas. Não é solução dizer: ‘Itália, por favor vende o teu ouro’”.

As bolsas europeias estavam mistas, em mais um dia de volatilidade dos mercados. A praça portuguesa era a que apresentava as maiores perdas, ao recuar mais de 2%.

A moeda única continuava em alta face à divisa norte-americana. Um euro valia 1,42 dólares.

Os mercados asiáticos voltaram a cair esta terça-feira. Hong Kong caiu mais de 5% e Tóquio quase 2%. A praça australiana encerrou positiva.