Última hora

Última hora

França procura evitar descida do rating

Em leitura:

França procura evitar descida do rating

Tamanho do texto Aa Aa

A França vai apresentar dentro de 14 dias medidas de combate ao défice.

A crise da dívida levou o presidente, Nicolas Sarkozy, a interromper as férias para reunir de emergência com o governo.

Com um défice público na ordem dos 5,7%, a França quer acalmar os mercados, numa altura em que muitos dão como certo um corte do rating, à semelhança do que aconteceu com os Estados Unidos.

No final do encontro, que durou cerca de duas horas, o ministro das Finanças referiu que as medidas de controlo das contas públicas vão ter em conta as incertezas mundiais e o anúncio da deterioração da moeda norte-americana.

Antes de serem divulgadas, as propostas vão ser avaliadas numa reunião agendada para 17 de Agosto.

As agências de notação financeira Standard & Poor’s, e Moody’s atribuíram, entretanto, uma perspetiva estável à notação da dívida da França, atualmente com a classificação máxima.