Última hora

Última hora

David Cameron promete identificar e punir todos os responsáveis pelos tumultos

Em leitura:

David Cameron promete identificar e punir todos os responsáveis pelos tumultos

Tamanho do texto Aa Aa

O primeiro-ministro britânico, David Cameron, nega que as medidas de austeridade do seu governo possam ter estado na origem dos piores tumultos no Reino Unido nas últimas décadas.

Depois de quatro noites de caos nas ruas das principais cidades, o chefe do governo reconheceu, no parlamento, que os efetivos da polícia foram insuficientes no início dos distúrbios, mas promete mão firme da justiça para os responsáveis.

“Estamos a trabalhar com meios tecnológicos para recuperar as imagens registadas pelas câmaras, por isso os que ainda não foram detidos, não escaparão à lei. Estamos a trabalhar com a polícia, com os serviços secretos e com a indústria para vermos como poderemos impedir pessoas que sabemos que estão a conspirar para actos criminosos de violência e desordem de comunicarem através das redes sociais”.

Para evitar que o rastilho volte a acender-se, a presença policial nas ruas é enorme. Só na capital haverá durante todo o fim-de-semana cerca de 16 mil polícias e o governo anunciou que poderá fazer intervir o exército.