Última hora

Última hora

Bielorrússia critica sanções americanas

Em leitura:

Bielorrússia critica sanções americanas

Tamanho do texto Aa Aa

Primeiro-ministro da Bielorrússia chama de “ato de agressão” às sanções levantadas pelos Estados Unidos ao país.

O governo americano anunciou, esta quinta-feira, sanções contra quatro grandes empresas estatais da ex-república soviética.

Segundo o porta-voz do Departamento de Estado americano “As sanções são uma resposta ao encarceramento constante de prisioneiros políticos e a repressão de ativistas, jornalistas e representantes da sociedade civil”.

As quatro empresas visadas são a fábrica de pneus Belshina, a refinaria de petróleo Naftan, a empresa de manufatura de fibras têxteis Grodno Khimvolokno e a fábrica de adubos Grodno Azot.