Última hora

Última hora

Israel e Egito tentam minimizar crise diplomática

Em leitura:

Israel e Egito tentam minimizar crise diplomática

Tamanho do texto Aa Aa

No centro da polémica está a morte de cinco elementos das força egípcias de segurança durante uma operação israelita contra invasores transfronteiriços.

Antes, uma fação palestiniana havia morto oito pessoas em Eilat na quinta-feira passada.

“Apreciamos muito a responsabilidade que o governo egípcio está a mostrar na forma como lida com o acordo de paz e eu expressei o lamento de Israel perante a perda de vida dos elementos da segurança egípcia”, afirmou o ministro israelita da defesa, Ehud Barak, ao apresentar desculpas.

Na Faixa de Gaza, as principais fações palestinianas afirmam ter chegado a um “acordo informal” relativo a uma trégua nos confrontos com Israel.

Enquanto isso, em Israel, o primeiro-ministro Binyamin Netanyahu reuniu-se com o gabinete de segurança no domingo a fim de discutir qual o próximo passo a tomar com vista à resolução desta crise.