Última hora

Última hora

Nações Unidas criticam violência na Síria

Em leitura:

Nações Unidas criticam violência na Síria

Tamanho do texto Aa Aa

O Conselho de Direitos Humanos da ONU debateu a situação da Síria criticando a repressão do governo de Bashar Al-Assad contra os manifestantes anti-governamentais.

A Alta Comissária de Direitos Humanos da ONU, Navi Pillay, apelou ao fim da repressão e à libertação de todos os detidos.

Estados Unidos, União Europeia, Egito, Israel e Arábia Saudita acusam o governo sírio de levar a cabo uma ofensiva contra civis desarmados.

A ONU estima que desde o início das manifestações mais de 2,200 pessoas tenham perdido a vida.

Entretanto, em Homs no centro do país, uma manifestação resultou em três mortos e vários feridos.

As autoridades sírias ordenaram igualmente a saída de Homs de uma delegação humanitária enviada pela ONU.