Última hora

Última hora

Steve Jobs vai abandonar direção da Apple

Em leitura:

Steve Jobs vai abandonar direção da Apple

Tamanho do texto Aa Aa

Steve Jobs vai abandonar a direção da Apple. O cofundador da multinacional e verdadeiro ícone da indústria tecnológica deixará assim de acompanhar o dia-a-dia da empresa.

Jobs encontra-se desde Janeiro de baixa médica devido a complicações de saúde associadas a um tumor no pâncreas.

Foi sob a liderança de Steve Jobs que a Apple lançou uma série de produtos de sucesso, incluindo o iPod, o iPhone e o iPad.

A partir de agora, a direção ficará a cargo do número dois, Tim Cook.

O mercado asiático é uma das grandes apostas da Apple. No Japão, alguns fãs receiam que a saída de Jobs afete a criatividade da empresa.

“A grande força da Apple sempre foi a criação de novos produtos e receio que isso possa abrandar”, afirma Naoto Fujiwara, jovem de 29 anos, residente em Tóquio.

Por enquanto, os analistas financeiros confiam na solidez da multinacional.

“No curto prazo, não haverá grandes alterações. Poderá haver um sentimento negativo, um fator medo porque o Steve Jobs representou uma grande mudança para a Apple nos tempos mais recentes. Mas, no curto prazo, não haverá grandes alterações porque o ciclo de produtos da Apple é longo e a próxima geração de produtos já foi desenhada”, afirma Mark Newman, analista sénior da Standford C Bernstein em Hong Kong.

Steve Jobs vai permanecer na empresa como presidente do conselho de administração.

Está para breve o lançamento do iphone 5 e há notícias que dão como certa a comercialização de uma versão mais barata do iphone 4 para competir no feroz mercado dos smartphones.