Última hora

Última hora

Estado da Palestina divide Europa

Em leitura:

Estado da Palestina divide Europa

Tamanho do texto Aa Aa

O pedido de reconhecimento da Palestina como Estado independente ainda não chegou às Nações Unidas, mas já está a dividir a Europa.

Cinco países, entre eles Alemanha e Itália, apoiam Israel e prometem votar contra a adesão do Estado palestiniano, em setembro.

A chefe da diplomacia europeia apela ao diálogo. Catherine Ashton reuniu-se, este domingo, com os líderes israelitas para discutir a retoma das negociações de paz com os palestinianos – em ponto morto desde há um ano – e insistiu que é necessário encontrar uma solução para que os dois povos possam conviver pacificamente.

Os palestinianos querem uma adesão à ONU e o reconhecimento da Palestina com base nas fronteiras de 1967, antes da Guerra dos Seis Dias.

Por outras palavras, a totalidade da Cisjordânia, Faixa de Gaza e Jerusalém Oriental.

No terreno, a tensão entre israelitas e palestinianos continua a aumentar. Ontem, um palestiniano roubou um táxi em Telavive, atropelou duas pessoas e esfaqueou três.