Última hora

Última hora

Mantêm-se taxas de desemprego na zona euro e UE

Em leitura:

Mantêm-se taxas de desemprego na zona euro e UE

Tamanho do texto Aa Aa

As taxas de desemprego na zona euro e na União Europeia mantiveram-se inalteradas em julho face ao mês anterior, mas o número de desempregados aumentou.

A Espanha registou a taxa de desemprego mais elevada a nível europeu: 21,2%, um valor muito acima dos 10% da zona euro e da média de 9,5% para os 27 Estados-membros da União.

Em Portugal, a taxa desceu pelo segundo mês consecutivo, para 12,3%, em julho. Na Alemanha manteve-se nos 7%.

Esta quarta-feira foi ainda divulgado outro indicador macroeconómico. A taxa de inflação na zona euro manteve-se nos 2,5% em agosto, segundo a primeira estimativa publicada pelo Eurostat. Um valor que está acima da meta traçada pelo Banco Central Europeu.