Última hora

Última hora

Nuvem tóxica na Rússia

Em leitura:

Nuvem tóxica na Rússia

Tamanho do texto Aa Aa

Uma nuvem tóxica levou à hospitalização de 250 pessoas na Rússia, cinquenta das quais encontram-se ainda internadas e a receber cuidados médicos.

O acidente foi provocado pela fuga de Brómio, um químico vermelho semelhante ao cloro, após uma colisão entre dois vagões que transportavam os contentores.

O líquido que ferve a cerca de 60 °C liberta vapores muito densos e sufocantes.

Segundo os serviços sanitários, 40 a 50 litros desta substância foram derramados, provocando a formação de uma espessa nuvem de fumo obre a cidade industrial de Tcheliabinsk a 2000 mil quilómetros de Moscovo.

As autoridades locais asseguram que a população não corre perigo de vida. O incidente causou problemas respiratórios e irritações na vista, obrigando também ao encerramento de algumas escolas.