Última hora

Última hora

Dívidas europeias provocam quedas históricas nas bolsas asiáticas

Em leitura:

Dívidas europeias provocam quedas históricas nas bolsas asiáticas

Tamanho do texto Aa Aa

Os especialistas falam na “doença europeia que está a contaminar os mercados do mundo inteiro”.

Depois das quedas acentuadas registadas na segunda-feira, as bolsas europeias amanheceram com ligeiras subidas, entre Frankfurt e Londres. Exceção para Lisboa: o PSI 20 arrancou em negativo, com uma perda de 0,11%.

Durante o dia de ontem, o índice Footsie-100 decresceu 3,58%.

O tal efeito de contágio refletiu-se nas ações asiáticas que apresentaram mínimos históricos, aliás os mais baixos dos últimos 60 anos.

Em Tóquio, o índice Nikkei, dos principais valores bolsistas, caiu 2,2%, enquanto o abrangente Topix desceu 1,9%. Na base desta oscilação está, mais uma vez, o receio de uma crise global, através da turbulência das dívidas soberanas europeias, Itália e Espanha à cabeça.