Última hora

Última hora

Líbia: negociações e reforço de armas em Bani Walid

Em leitura:

Líbia: negociações e reforço de armas em Bani Walid

Tamanho do texto Aa Aa

As negociações em torno da cidade de Bani Walid, último bastião das forças pró-Kadhafi, estão a chegar ao fim do tempo dado como limite, há cerca de uma semana.

Um comandante do movimento dos rebeldes disse mesmo, depois de reunido com os Warfalla, uma das tribos mais poderosas do país, considerada fiel ao líder foragido, que os anciãos juntaram-se à revolução líbia.

A cidade de Bani Walid situa-se a 170 quilómetros a sudoeste de Trípoli.

Nos últimos dias o chefe das negociações do CNT, órgão político das novas autoridades, já reconhecido por mais de 60 países, disse que restam apenas 30 a 50 homens de Kadhafi muito bem armados.

Enquanto dura o impasse nas negociações os rebeldes recebem reforços de armamento, incluíndo alguns tanques abandonados pelas forças de Kadhafi.