Última hora

Última hora

México: o "tweet" que pode valer 30 anos de prisão

Em leitura:

México: o "tweet" que pode valer 30 anos de prisão

Tamanho do texto Aa Aa

Dois cidadãos mexicanos arriscam-se a 30 anos de prisão por terem difundido no “Twitter” a mensagem de que uma escola tinha sido tomada por sequestradores. O problema é que a informação se revelou falsa e semeou o pânico na cidade de Veracruz. O professor e a animadora de rádio enfrentam acusações de terrorismo e vão basear a sua defesa no princípio da liberdade de expressão.