Última hora

Última hora

Manifestantes destroem muro em torno da Embaixada de Israel no Cairo

Em leitura:

Manifestantes destroem muro em torno da Embaixada de Israel no Cairo

Tamanho do texto Aa Aa

Da célebre Praça Tahrir até à Embaixada de Israel, no Cairo, foi um passo para os ativistas que, em Fevereiro passado, contribuíram para a queda do regime de Hosni Mubarak.

Desta feita, pretendia-se outra queda: a do muro levantado em torno da representação diplomática hebraica. A barreira foi erigida por receio de confrontos, na sequência da morte de cinco polícias egípcios, pelo exército israelita, na fronteira do Sinai.

Na presença das autoridades, que não o impediram, parte do muro foi desfeita.

Os protestos recomeçaram com o pretexto de exigir ao conselho militar no poder o avanço das reformas democráticas no país, a marcação de eleições presidenciais e legislativas, prometidas até ao final deste ano, e o afastamento definitivo de todos os aliados de Mubarak.