Última hora

Última hora

Obama inflama discurso para afastar a crise dos Estados Unidos

Em leitura:

Obama inflama discurso para afastar a crise dos Estados Unidos

Tamanho do texto Aa Aa

“A História da América não é esta”. Assim, perante o Congresso, Barack Obama incitou à unidade de um país à beira da recessão, no momento em que apresentou um plano de criação de emprego na ordem dos 447 biliões de dólares, qualquer coisa como 321 mil milhões de euros.

Nas palavras de Obama, “este plano tem de ser aprovado imediatamente. Não há nada de controverso neste diploma legislativo. Todas as propostas inclusas foram apoiadas quer por Democratas, quer por Republicanos. Vai permitir a criação de mais empregos para os operários da construção civil, para os professores, para os veteranos, para os desempregados de longo prazo. Vai possibilitar deduções fiscais para as empresas que contratem novos trabalhadores, dividindo pela metade os impostos, sobretudo para as pequenas empresas”.

O presidente americano salientou que, no próximo dia 19, vai desvelar outras propostas, ainda mais ambiciosas, para relançar a economia e reduzir o défice público.

Mas os Republicanos prometem não facilitar a vida a Obama, aproveitando o embalo dos números crescentes do desemprego, em torno dos 9%, a pouco mais de um ano das eleições presidenciais.