Última hora

Última hora

Líbia: Civis abandonam Bani Walid

Em leitura:

Líbia: Civis abandonam Bani Walid

Tamanho do texto Aa Aa

Na Líbia, aviões da NATO continuaram os ataques a alvos nas zonas que permanecem leais a Muammar Kadhafi.

Em Bani Walid, um dos últimos bastiões dos apoiantes do ex-líder em fuga, as forças do CNT desencadearam assaltos conjugados, mas viram-se obrigas a recuar face à resistência encontrada.

Muitos civis abandonaram a cidade.

“As nossas casas foram atingidas por bombas, rockets e granadas. Para nós é um problema viver ali porque é muito perigoso”, disse um dos habitantes em fuga.

Os aviões aliados também bombardearam os arredores de Sirte, a cidade natal de Kadhafi, e as localidades de Waddan e Sabha, no deserto do sul da Líbia.

Entretanto o ministro da Justiça e porta-voz do Governo do Níger, Marrou Amadou, confirmou a chegada ao seu país de Saadi Kadhafi, um dos filhos do ex-líder líbio.

Saadi Kadhafi tinha dito, que estava disposto a render-se se isso travasse um banho de sangue. As forças do CNT disseram então que a sua segurança seria garantida.

Nos arredores de Tripoli, militares do CNT descobriram o que dizem ser mísseis “Cruise” que teriam sido escondidos pelas forças ainda fiéis a Muammar Kadhafi.