Última hora

Última hora

Palestina: PM turco diz que Estado é uma obrigação

Em leitura:

Palestina: PM turco diz que Estado é uma obrigação

Tamanho do texto Aa Aa

“O reconhecimento do Estado palestiniano não é uma opção, é uma obrigação.” Foi com estas palavras que o primeiro-ministro turco inflamou a assembleia da Liga Árabe. Recep Tayyp Erdogan encontra-se no Cairo e reuniu-se com os ministros dos Negócios Estrangeiros dos países árabes.
 
“É tempo de içar a bandeira palestiniana nas Nações Unidas. Icemos a bandeira palestiniana e deixemo-la ser um símbolo da paz e da justiça no Médio Oriente. Temos de dar o nosso contributo para assegurar a paz e a estabilidade merecida no Médio Oriente” – declarou Erdogan.
 
A Autoridade Palestiniana prepara-se para pedir na próxima semana à ONU o reconhecimento pleno como Estado-membro.
 
O processo arrisca-se a ser longo mas desde já há uma certeza. Os Estados Unidos vão utilizar o seu direito de veto no Conselho de Segurança para impedir o reconhecimento do Estado da Palestina enquanto membro de pleno direito.