Última hora

Última hora

Suíça: Detido eventual autor da fraude do UBS

Em leitura:

Suíça: Detido eventual autor da fraude do UBS

Tamanho do texto Aa Aa

O banco suíço UBS descobriu uma perda de cerca de dois mil milhões de dólares devido a uma operação de trading não autorizada no setor da banca de investimento.

Devido a esta fraude o UBS poderá apresentar resultados negativos no terceiro trimestre deste ano.

No seu site o UBS informa que o eventual responsável pela operação já foi detido em Londres.

Trata-se de Kweku Adoboli de 31 anos que trabalha nos escritórios do banco na capital britânica.

“Nesta altura, trata-se essencialmente de um problema de confiança.

Em 2008 bancos de todo o mundo perderam a confiança das pessoas, e os governos tiveram de ir em seu socorro.

Agora, quando se começava a pensar que alguns desses bancos estavam novamente a consolidar-se, e a ganhar a confiança perdida, fruto de um árduo trabalho nesse sentido, acontece uma coisa destas”, sublinha James Hughes, analista de mercados.

Este caso traz à memória dois outros ocorridos num passado muito próximo:

O de Nick Leeson que em 1995, também devido operações de trading não autorizadas provocou o colapso do Barings Bank, o mais antigo banco de investimentos do reino Unido, e mais recentemente, em 2008, o de Jérôme Kerviel que com o mesmo tipo de operações fez com que o banco francês Société Générale perdesse 4,9 mil milhões de euros.