Última hora

Última hora

Metade da tripulação da ISS regressa a casa

Em leitura:

Metade da tripulação da ISS regressa a casa

Tamanho do texto Aa Aa

O módulo de descida da nave russa Soyuz TMA-21, aterrou, hoje, no Cazaquistão.

A bordo seguiam três astronautas: um norte-americano e dois russos, que desde abril se encontravam Estação Espacial Internacional.

O regresso estava previsto para o inicio de setembro, mas foi adiado devido ao fracasso do lançamento do cargueiro espacial russo Progress.

A investigação concluiu que na origem do acidente esteve um erro de fabrico que originou uma falha do motor.

A Rússia anunciou, entretanto, que vai enviar uma missão comandada à ISS em Novembro. Uma decisão que vai permitir fazer regressar a casa os outros três astronautas que se mantêm a bordo da Estação.

Antes disso e de acordo com a Agência Espacial Russa serão enviadas para o espaço duas naves não tripuladas.

O projeto científico em curso conta com a participação de cinco agências espaciais.

Os primeiros astronautas foram enviados para a estação em 2000. O objetivo é manter a ISS habitada até 2020.