Última hora

Última hora

Berlusconi "governa nas horas livres"

Em leitura:

Berlusconi "governa nas horas livres"

Tamanho do texto Aa Aa

A oposição italiana exige a demissão do primeiro-ministro apos à divulgação de escutas telefónicas nas quais, Berlusconi diz governar “nas horas vagas”.

Berlusconi fez essa confidência a Gianpaolo Tarantini, um empresário que é o principal suspeito da investigação liderada pela procuradoria de Bari contra oito pessoas acusadas de incentivar dezenas de mulheres a prostituirem-se entre 2008 e 2009 para Berlusconi, em troca de contatos de alto nível.

Tarantini está preso desde primeiro de setembro por ter recebido 850.000 euros de Berlusconi, em troca de mentir à justiça sobre as festas noturnas que organizavam.

O líder da oposição diz publicamente que “o primeiro-ministro já não tem vontade de governar e é por isso que tem de sair para dar lugar a um governante que queira trabalhar a tempo inteiro”.

A um nível de popularidade mais baixo de sempre, 24%, Berlusconi arrisca-se também a perder o apoio dos parceiros de coligação.

A liga do norte já fez saber que o fim da legislatura, 2013 é muito longe, não sabe se será inteiramente cumprida.