Última hora

Última hora

Alemanha: vitória dos Piratas demonstra descontentamento com partidos tradicionais

Em leitura:

Alemanha: vitória dos Piratas demonstra descontentamento com partidos tradicionais

Tamanho do texto Aa Aa

Foi numa embarcação improvisada que alguns dos representantes eleitos do Partido dos Piratas alemães se dirigiram esta segunda-feira ao Parlamento da região de Berlim.

A curiosa formação política formada em 2006 pela defesa das “liberdades pessoais”, obteve este domingo a primeira vitória eleitoral de sempre, conquistando uns surpreendentes 15 assentos na assembleia regional.

Na primeira conferência de imprensa, não esconderam a surpresa face ao resultado eleitoral, mas prometeram assumir as suas responsabilidades com seriedade e transparência.

Para uma jovem de Berlim “é uma forma de protesto, quando dizemos que não podemos votar por outro partido, por que fazem todos o mesmo. Os Piratas são diferentes”.

Este homem afirma que “os partidos estabelecidos não oferecem novas ideias ou alternativas”.

A CDU da chanceler Angela Merkel obteve mais votos do que há cinco anos, mas não conseguiu ultrapassar os sociais-democratas. O escrutínio representa também uma derrota para a coligação governamental, já que os parceiros Liberais Democratas obtiveram menos de 2 por cento dos votos.