Última hora

Última hora

Agência de notação baixa "rating" de Itália

Em leitura:

Agência de notação baixa "rating" de Itália

Tamanho do texto Aa Aa

O primeiro-ministro italiano, Silvio Berlusconi afirma que a revisão em baixa da solvabilidade de Itália de A+ para A foi motivada por razões políticas e não económicas.

Berlusconi reagia assim ao anúncio da baixa da nota italiana justificada segundo a agência Standard & Poor’s por fragilidades ao nível da coligação política no poder que poderá dificultar a tomada de decisões tendo em conta as condições macroeconómicas difíceis no plano interno e externo.

Na semana passada, o governo aprovou um plano de austeridade de 58,8 mil milhões de euros de economias cujo objetivo é equilibrar as contas públicas até 2013.

O endividamento italiano equivale a 120% do produto interno bruto anual.

Mesmo assim, a Standard & Poor’s continua a considerar que Itália está na categoria de emissores sólidos de dívida.