Última hora

Última hora

Polícia de Lampedusa carrega sobre emigrantes

Em leitura:

Polícia de Lampedusa carrega sobre emigrantes

Tamanho do texto Aa Aa

Um dia depois dos protestos contra os repatriamentos forçados, na ilha italiana de Lampedusa, as autoridades policiais agrediram à bastonada emigrantes.

Esta terça-feira, os emigrantes lançaram fogo ao Centro de receção de emergência de Lampedusa em sinal de protesto. É neste local que estão instalados até serem repatriados para os seus países. O incêndio terá começado quando atearam fogo às camas, acabou por consumir três edifícios.

A situação na pequena ilha é catastrófica. O executivo local acusa o governo do país de os ter abandonado no completo caos.

Os emigrantes exigem ser enviados para outros campos, como o da Sicília, ou para outros países, entre eles França.

Mais perto de África do que do continente italiano, Lampedusa vive uma situação dramática desde a última primavera.

Todas as semanas chegam aqui embarcações carregadas de emigrantes, vindos do norte do continente, principalmente da Tunísia, fogem da instabilidade que atinge o seu país.