Última hora

Última hora

Centro islâmico de Nova Iorque abre sem polémica

Em leitura:

Centro islâmico de Nova Iorque abre sem polémica

Tamanho do texto Aa Aa

Foi sem polémicas nem contestação que abriu as portas o centro comunitário islâmico de Nova Iorque, apenas a dois quarteirões do World Trade Center.

Para demonstrar a boa vontade, os organizadores apresentaram, na abertura do centro, uma exposição do fotógrafo Danny Goldfield, que mostra crianças vindas de mais de 170 países a viver em Nova Iorque.

“Queremos servir Nova Iorque, todas as crianças e todas as pessoas da cidade de Nova Iorque. Esta exposição representa tudo aquilo que defendemos: inclusão, comunidade, construção e diversidade”, disse Sharif el-Gamal, presidente do centro.

O projeto de abrir uma mesquita neste local criou bastante polémica, com vozes que consideravam isso um insulto às vítimas do 11 de setembro. O centro tem um espaço de oração, mas não é uma mesquita.