Última hora

Última hora

Estrela da música persa canta liberdade na Europa

Em leitura:

Estrela da música persa canta liberdade na Europa

Tamanho do texto Aa Aa

A popularidade de Mohammad-Reza Shajarian não está apenas ligada à música e à poesia. As canções dele inspiram-se nos desejos e nas dores do povo. Shajarian grita a liberdade do povo iraniano.

A estrela da música clássica persa iniciou a mais recente digressão europeia em Istambul.

O músico tem concertos previstos em 13 cidades de sete países da Europa.

Shajarian é o cantor mais célebre do Irão mas não dá concertos no país há três anos por ser um crítico do regime iraniano.

“Honestamente, os meus concertos no Irão têm sempre muita gente. As autoridades não estão satisfeitas porque eu não estou do lado da política do regime. Eles não gostam de me ver em palco”, diz Mohammad-Reza Shajarian.

Shajarian está à frente do grupo “Shahnaz”, que reúne alguns dos melhores jovens músicos iranianos.

Todos os instrumentos fazem parte da tradição persa e alguns foram inventados pelo próprio músico. Até agora, o artista criou catorze novos instrumentos.

“Senti que havia vazios na nossa música, faltavam instrumentos, e era preciso preencher esses vazios com novos sons como o baixo. Por exemplo, este é o meu último instrumento, acabeio-o há dois dias, chama-se Del-O-Del”, diz o músico.

A chária no Irão proíbe as mulheres de cantar em público, na presença de homens. Apesar da proibição, a filha de Shajarian canta com o grupo no estrangeiro.

O artista considera que a música iraniana sofre com as restrições à liberdade das mulheres.

“Uma parte da nossa música desapareceu. Olhe para este instrumento, tem quatro cordas. Quando toca a primeira corda, o som fica assim…precisamos desse som é a voz da mulher”, afirma o músico.

O artista afirma-se como um humanista:

“Faço música para o povo, não faço música nem para os políticos, nem para o presidente.

Eles ouvem se fazem parte do povo, mas a música é para o povo para os seres humanos”.