Última hora

Última hora

Governo pretende pagar indemnizações a vítimas de "Domingo Sangrento"

Em leitura:

Governo pretende pagar indemnizações a vítimas de "Domingo Sangrento"

Tamanho do texto Aa Aa

O governo britânico prepara-se para pagar indemnizações aos familiares das vítimas do “Domingo Sangrento”.

O incidente ocorreu em 1972, na Irlanda do Norte, e 14 pessoas morreram. Há 39 anos, no dia 30 de janeiro, os soldados britânicos dispararam sobre uma manifestação. Os militares alegaram legítima defesa, perante ameaças de armas e bombas, mas várias testemunhas negaram.

A morte dos 14 manifestantes, em Londonderry, desencadeou uma onda de violência na província.

Em 2010, um relatório oficial concluiu que o primeiro tiro foi disparado pelos soldados. O primeiro ministro apresentou, no Parlamento “desculpas em nome do Governo e do país”. David Cameron considerou o ato “injustificável”.

Alguns familiares das vítimas consideram a oferta de indemnizações “repulsiva” e reclamam a responsabilização e condenação dos soldados responsáveis.