Última hora

Última hora

Papa apela à união dos católicos alemães

Em leitura:

Papa apela à união dos católicos alemães

Tamanho do texto Aa Aa

Perante 100 mil fiéis, que acorreram a Friburgo este domingo, Bento XVI apelou à união dos católicos alemães nestes “tempos de perigo” e de “crise da fé”.

A homilia ao ar livre, no aeródromo da cidade do sudoeste da Alemanha, foi a mais concorrida das que o Papa celebrou nos quatro dias de visita ao seu país natal.

Uma deslocação bastante criticada na Alemanha, especialmente em Berlim, mas onde o sumo pontífice ficou comovido após o encontro com vítimas de padres pedófilos, elogiou o fervor de Martinho Lutero, reuniu com atuais e antigos líderes alemães e voltou a insistir na aproximação entre religiões.

Após uma reunião, sábado, com representantes das igrejas ortodoxas o Papa afirmou mesmo esperar, em breve, “celebrar de novo a eucaristia em conjunto”.

A Alemanha foi o berço do movimento luterano e é hoje um país muito dividido entre católicos e protestantes.