Última hora

Última hora

Grécia compromete-se a cumprir programa

Em leitura:

Grécia compromete-se a cumprir programa

Tamanho do texto Aa Aa

A Grécia está empenhada em fazer as alterações necessárias para evitar a falência do país. Quem o garantiu foi o Primeiro-ministro à saída de um encontro com o Presidente francês.

“Os gregos estão determinados a fazer as mudanças necessárias. Estamos a fazer sacrifícios e vamos cumprir a nossa parte nas decisões que tomámos. Assumimos as nossas responsabilidades de fazer todas as reformas necessárias porque queremos mudar a Grécia e torná-la competitiva, socialmente justa e um país transparente”, afirmou Papandreou.

Por seu lado, Nicolas Sarkozy mostrou-se comprometido em não abandonar a Grécia e afirmou que vai encontrar-se com Angela Merkel nos próximos dias para discutir a situação grega.

“O falhanço da Grécia pode ser o falhanço de toda a Europa. Não há alternativa possível. Temos a obrigação moral de sermos solidários, uma obrigação para com uma economia solidária. Não é possível deixar a Grécia para trás”, garantiu o chefe de estado francês.

No início da semana Sarkozy afirmou estar a trabalhar num plano franco-alemão para resolver a crise financeira na Europa.

Para solucionar a questão grega, e procurar apoio, Papandreou esteve reunido, esta terça-feira, com a chanceler alemã.