Última hora

Última hora

Leon Panetta pede esforços a Israel

Em leitura:

Leon Panetta pede esforços a Israel

Tamanho do texto Aa Aa

O secretário norte-americano da Defesa quer ver a criação de um Estado palestiniano. Foi isso que Leon Panetta foi dizer às autoridades israelitas, nesta visita ao Médio Oriente, que vai incluir também um encontro com o presidente da Autoridade Palestiniana, Mahmud Abbas.

Panetta esteve com o ministro israelita da Defesa Ehud Barak e falou de questões quentes como os colonatos na Cisjordânia: “Quero deixar claro que há a necessidade e a oportunidade de uma ação concreta, de ambos os lados, para negociar uma solução de dois Estados. Não há outra alternativa”, disse.

O pedido de Mahmud Abbas para o reconhecimento de um Estado na ONU voltou a colocar as negociações de paz na agenda, num momento em que a violência sobe de tom. Uma mesquita foi destruida pelo fogo, aparentemente por colonos judeus na aldeia árabe de Tuba-Zangria (região da Galileia), no norte de Israel.

O ato foi já condenado pelo governo israelita. O primeiro-ministro Benjamin Netanyahu disse que foi um ato indigno.

“Com o que fizeram a esta mesquita, passaram a linha vermelha. É bom que Israel saiba isso. Pisaram a linha vermelha e agora vão pagar pelo que fizeram, diz um dos fiéis na mesquita.

Os autores do incêndio criminoso escreveram a palavra “vingança” em hebraico nas paredes, o que leva a crer tratar-se de uma retaliação pela morte de Asher Palmer, um colono judeu morto juntamente com o filho de 18 meses num desastre de automóvel, depois de ter sido apedrejado por palestinianos.