Última hora

Última hora

Bélgica e França definem novo resgate para o Dexia

Em leitura:

Bélgica e França definem novo resgate para o Dexia

Tamanho do texto Aa Aa

As autoridades belgas e francesas devem concluir um novo plano de resgate do banco Dexia até quinta-feira. Não está descartada a hipótese de a instituição franco-belga ser nacionalizada.

França e Bélgica já disseram que vão garantir os depósitos e os empréstimos necessários para salvar o banco. “Vamos assegurar que há suficiente liquidez, ou seja, o Banco Nacional da Bélgica e o Banco de França vão emprestar o dinheiro necessário ao Dexia para garantir que o processo de reestruturação decorre sem problemas”, disse o governador do Banco de França, Christian Noyer.

A França e a Bélgica são, de forma direta ou indireta, os principais acionistas do banco.

O Dexia já foi salvo da falência em 2008, graças à ajuda pública.

Na terça-feira, as ações do grupo caíram 22%, mas estavam a recuperar na sessão desta quarta-feira. Mesmo assim, clientes preocupados com a situação do Dexia retiraram dinheiro do banco e entupiram a linha de clientes. Segundo um jornal belga, os depositantes foram ao banco para levantar 300 milhões de euros das contas, excluindo transações online.