Última hora

Última hora

Tailândia: Cheias submergem património mundial da Unesco

Em leitura:

Tailândia: Cheias submergem património mundial da Unesco

Tamanho do texto Aa Aa

As inundações registadas nos últimos dois meses na Tailândia deixaram submerso o templo de 400 anos Chai Wattanaram, na cidade antiga de Ayutthaya.

O rio Chao Phraya, a 105 quilómetros a sul da capital Banguecoque, galgou mais de um metro e meio as margens e inundou este local classificado como património mundial pela Unesco.

Para as autoridades esta “é uma situação muito grave pois nos últimos anos sempre conseguimos lidar com isto, mas a situação agora é pior do que no passado. Não esperávamos que as fortes correntes danificassem a barragem. Tentámos fazer o nosso melhor pois este é um local muito antigo e património mundial,” assegura o vice-governador de Ayutthaya, Narong Onsaard.

Estas são consideradas as piores inundações das últimas décadas. Desde finais de julho as cheias já causaram a morte a 224 pessoas e 58 das 77 províncias do reino da Tailândia foram inundadas, 25 das quais continuam muito afetadas.

Mais de um milhão de hectares de terras agrícolas estão submersas.

O governo anunciou, na semana passada, o destacamento de cerca de 10 mil soldados, 500 veículos militares e mais de 100 barcos para ajudar as vítimas.