Última hora

Última hora

Barroso: "Muitos querem juntar-se ao euro mas ninguém quer sair"

Em leitura:

Barroso: "Muitos querem juntar-se ao euro mas ninguém quer sair"

Tamanho do texto Aa Aa

Durão Barroso respondeu às questões de pessoas do mundo inteiro. O presidente da Comissão Europeia esteve neste especial iTalk, transmitido em direto pela euronews e pelo Youtube Worldview.

A crise económica foi um dos temas principais.

Alex Taylor, euronews: Começamos com uma questão em vídeo, vinda da Bélgica. Sr Barroso, sente-se responsável, de alguma forma, pela confusão económica que estamos a ver na União Europeia neste momento?

José Manuel Durão Barroso: “Não fui eu que criei esta crise, mas sinto-me responsável. Estamos a tratar da crise e a fazer todos os esforços. Estamos a fazer tudo para resolver o problema, mas não é fácil quando há 17 países na Zona Euro e 27 países na União Europeia. Estamos a fazer progressos mas gostava que esse progresso tivesse sido mais rápido, porque os parlamentos e os governos são mais lentos que os mercados”.

Barroso falou da questão dos bancos e da maior regulamentação decidida pela Comissão Europeia, com a criação de novas autoridades. Disse ainda como pensa prevenir novas crises e deixou claro que o euro não está em perigo.

JMDB: “Estamos a propor aos Estados membros uma ação coordenada para recapitalizar os bancos e livrarem-se dos ativos tóxicos que possam ter”.

euronews: Onde vê o euro dentro de dez anos? É uma questão que muita gente está a colocar.

JMDB: Mais forte. Agora há vários Estados-membros que querem juntar-se ao euro, mas ninguém quer sair”.

Este programa, de meia hora, pode ser visto na íntegra às 20:30, hora de Lisboa, na euronews e vai também poder ser visto integralmente no youtube e no nosso sítio euronews.net.