Última hora

Última hora

Itália, Espanha e Bélgica sob a mira das agências de notação financeira

Em leitura:

Itália, Espanha e Bélgica sob a mira das agências de notação financeira

Tamanho do texto Aa Aa

A Itália, a Espanha e a Bélgica estiveram mais uma vez sob a mira das agências de notação financeira.

Esta semana, depois de a Moody’s ter reduzido a nota italiana em três níveis, a Itália viu agora a Fitch reduzir o seu rating para A+.

“Devia-se ver quem está por trás destas agências, e que critérios definem um A, um AA e por aí fora”, disse uma habitante de Roma.

“O primeiro-ministro devia demitir-se juntamente com o governo, porque arrastaram-nos para uma situação verdadeiramente miserável”, protestou um outro.

“Há alguma verdade nisso. Estas avaliações não são feitas à toa. O nosso primeiro-ministro faz baixar tudo que está à sua volta. Ele quer é criar o partido “ Força Gatinhas”, constatou um outro romano.

A Fitch sublinha ainda a resposta inicialmente vacilante do governo italiano ao contágio, e a erosão da confiança do mercado na capacidade da Itália lidar com a crise.

No caso espanhol, a agencia refere-se à “intensificação da crise na zona euro” e aos riscos dos esforços de consolidação fiscal em curso em Espanha.