Última hora

Última hora

Bélgica vai nacionalizar filial do banco Dexia

Em leitura:

Bélgica vai nacionalizar filial do banco Dexia

Tamanho do texto Aa Aa

O banco Dexia é a primeira vítima da crise da dívida pública europeia no setor bancário O grupo franco-belga vai ser desmantelado e nacionalizado. A Bélgica vai pagar 4 mil milhões de euros pela filial belga. A decisão foi tomada ao fim de uma noite de negociações. O primeiro-ministro Yves Leterme explica: “O custo para os contribuintes vai ser reduzido porque o risco é controlado e o custo da operação relativo.”

O Estado belga nacionaliza o Dexia Bank Belgium por quatro mil milhões de euros. A filial conta seis mil empregados, quatro milhões de clientes e totaliza oitenta mil milhões de euros em depósitos. Ao mesmo tempo A Bélgica, a França e o Luxemburgo asseguram um montante de 90 mil milhões de euros em garantias bancárias durante os próximos dez anos. O objetivo é permitir à instituição voltar a financiar-se no mercado interbancário. Os restantes bancos tinham-lhe fechado a porta devido à sua grande carteira de títulos da dívida pública.

Um cliente diz que “é sempre o contribuinte que acaba por pagar a fatura. O Estado já tem dificuldade em fechar o orçamento e agora tem de encontrar mais 4 mil milhões. Acho que somos todos uns otários e isto não vai mudar” – conclui.

A Standard and Poors confirmou esta segunda-feira a nota AA+ da Bélgica, embora com uma uma perspetiva negativa.