Última hora

Última hora

Eslováquia sob o olhar Europeu

Em leitura:

Eslováquia sob o olhar Europeu

Tamanho do texto Aa Aa

Maratona negocial na coligação governamental Eslováquia sobre a aprovação das novas competências do Fundo Económico Estabilização Financeira. A Eslováquia é o último dos 17 países do euro a aprovar o acordo estabelecido em julho destinado a reforçar a luta contra a crise económico-financeira na Europa.

Mas um dos quatro partidos da coligação governamental está contra por considerar que não deverá ser um país menos próspero a pagar as dívidas contraídas por nações mais ricas.

Uma eslovaca diz ser contra. Considera “não ser justo que num país com nível de vida inferior os contribuintes sustentem a Grécia”.

Outro eslovaco não tem dúvidas. Afirma que “é preciso aprovar as novas regras do FEEF. Não só o parlamento mas também a maioria das pessoas pensa que esta é a única maneira de ajudar uma Europa doente”, diz.

A primeira-ministra Iveta Radicova ameaçou entrar em negociações com a oposição se a coligação não chegar a bom porto, um cenário que pode fazer cair o executivo.