Última hora

Última hora

Washington alerta cidadãos contra risco de atentados

Em leitura:

Washington alerta cidadãos contra risco de atentados

Tamanho do texto Aa Aa

O Governo iraniano terá pago 1,5 milhão de dólares a dois homens para cometerem atentados terroristas nos Estados Unidos

A acusação foi feita pelo governo americano que deteve dois suspeitos, identificados como Manssor Arbabsiar e Gholam Shakuri, ambos de nacionalidade iraniana, mas Manssor tinha obtido cidadania americana e residia em Nova York, onde foi detido no dia 29 de setembro.

O complô visava assassinar o embaixador saudita em Washington. Os Estados Unidos avisam cidadãos contra risco de atentado.

A secretária de Estado norte-americana anunciou já retaliações. Hillary Clinton declarou que os Estados Unidos se preparam para adotar novas sanções contra Teerão ao mesmo tempo elogiou a ação que desmantelou o plano de ataques contra as embaixadas da Arábia Saudita e Israel em Washington.

O Governo iraniano negou qualquer envolvimento no complô pela voz do seu embaixador nas Nações Unidas que, numa carta enviada ao secretário Geral Ban ki-moon considerou que as acusações são uma «conspiração diabólica».