Última hora

Última hora

Abbas saúda esforços franceses para a libertação de Gilad Shalid

Em leitura:

Abbas saúda esforços franceses para a libertação de Gilad Shalid

Tamanho do texto Aa Aa

No início de uma visita de dois dias a Paris, o presidente da Autoridade Palestiniana saudou os esforços da França no processo que vai levar à libertação do soldado franco israelita, Gilad Shalit.

À saída de um encontro com o presidente francês, Nicolas Sarkozy, Mahmoud Abbas considerou que o acordo para a troca de prisioneiros, alcançado esta semana entre Israel e o Hamas, é um bom avanço, manifestando o desejo que todos os palestinianos possam gozar de liberdade.

Abbas elogiou também os “esforços consideráveis” da França para a libertação de Shalit e espera agora que o mesmo seja feito em relação ao franco palestiniano Salah Hamouri.

Israel e o Hamas anunciaram esta semana um acordo que prevê a troca de Shalit – detido há mais de 5 anos pelo Hamas – por 1027 prisioneiros palestinianos.

Segundo o acordo, Shalit e um contingente de 450 prisioneiros palestinianos serão libertados na terça-feira, os restantes serão colocados em liberdade ao longo dos próximos dois meses.

Fora do acordo ficou Ahmed Saadat, líder da Frente Popular de Libertação da Palestina, e há alguma contestação entre os palestinianos porque parte dos prisioneiros a libertar serão forçados ao exílio.