Última hora

Última hora

Caso Tymoshenko: UE atenta a votação crucial no parlamento da Ucrânia

Em leitura:

Caso Tymoshenko: UE atenta a votação crucial no parlamento da Ucrânia

Tamanho do texto Aa Aa

A condenação da ex-primeira-ministra ucraniana Yulia Timoshenko a sete anos de prisão, devido a um negócio na área do gás, arrefeceu o diálogo entre o executivo de Kiev e a União Europeia (UE). Bruxelas espera um sinal positivo do parlamento ucraniano, que vai votar uma emenda para descriminalizar delitos económicos imputados a elementos do executivo.

“A forma com a Ucrânia vai resolver este caso e casos similares com outros ex-membros do governo vai ter impacto nas nossas relações bilaterias, com profundas implicações no nosso relacionamento com a Ucrânia”, disse à Euronews Maja Kocijančič, porta-voz da Alta Representante da UE para as Relações Externas e Política de Segurança, Catherine Ashton.

A Comissão Europeia considerou que o julgamento traduz uma perseguição política à oposição. O Parlamento Europeu também espera que tal não se repita.

“Isto resolveria de uma vez por todas os problemas com a senhora Tymoshenko e, ao mesmo tempo, será uma boa base para evitar problemas no futuro”, disse Guy Verhofstadt, líder da Aliança dos Democratas e Liberais para a Europa.

Em risco está a reunião em Bruxelas, dia 20 de outubro, com presidente ucraniano. Vitor Ianucovich tem dito que continua empenhado em assinar o acordo de livre comércio com a UE. Para a oposição ucraniana, tal fracasso seria um sinal muito negativo para o futuro do país.

“A não aprovação da emenda significaria que a Ucrânia fez uma viragem no seu trajeto e que planeia tornar-se não um país europeu, mas asiático”, disse Arseniy Yatsenyuk, líder do partido ucraniano Frente para a Mudança.

O acordo no âmbito da chamada Parceria de Leste, com seis países da antiga esfera soviética, é considerado prioritário pela presidência polaca da UE. Depois da estagnação negocial com a Bielorrússia, o arrefecimento com a Ucrânia pode ser um duro golpe para a estratégia de vizinhança.