Última hora

Última hora

Rei da Jordânia nomeia juiz de Haia como primeiro-ministro

Em leitura:

Rei da Jordânia nomeia juiz de Haia como primeiro-ministro

Tamanho do texto Aa Aa

O rei da Jordânia nomeou um juiz do Tribunal Penal Internacional como primeiro-ministro. Awn Khassawneh, de 61 anos, integra o tribunal de Haia desde 2000.

O rei Abdullah II encarregou o magistrado de formar governo, depois de ter decidido dissolver o atual executivo, nomeado em Fevereiro na sequência de manifestações de rua inspiradas na “Primavera Árabe”, para pedir reformas políticas e económicas no reino.

Mas a equipa dirigida pelo ex-general do Exército Marouf al Bakhit, um conservador, não conseguiu convencer nem acalmar os jordanos.

O executivo nomeado em Fevereiro enfrentou uma nova vaga de manifestações, pautadas por críticas à incapacidade do governo para gerir os dossiês pendentes, nomeadamente os preparativos das eleições municipais previstas até ao fim do ano.

Em Agosto, o rei prometeu mudanças nas altas funções do Estado para permitir avançar na via das reformas.