Última hora

Última hora

Nova Zelândia: recuperação de combustível dificultada pelo mau tempo

Em leitura:

Nova Zelândia: recuperação de combustível dificultada pelo mau tempo

Tamanho do texto Aa Aa

Foram retomados os trabalhos para extrair o combustível do cargueiro Rena, encalhado ao largo da Nova Zelândia.

Ontem, as operações foram interrompidas devido ao mau tempo. Hoje, uma equipa fez a avaliação dos estragos provocados pela tempestade desta terça-feira.

O cargueiro apresenta várias fendas no casco e danos estruturais.

Até ao momento foram retiradas 90 das 1.300 toneladas de combustível que se mantêm no interior do petroleiro. 350 terão sido vertidas para o mar.

Esta já foi considerada a maior catástrofe ambiental no país, mas o pior ainda não passou.

Um dos elementos envolvidos na extração do combustível afirma que o risco é elevado e que as condições meteorológicas não estão a ajudar.

Acrescenta, que tudo está a ser calculado ao milímetro e que a segurança das pessoas envolvidas na operação é fundamental.

O Rena encalhou há 14 dias no recife Astrolabe, a pouco mais de 20 quilómetros da cidade de Tauranga.

Cerca de 1500 espécies animais já foram afetadas pelo derrame.