Última hora

Última hora

Guerrilheiro conta como capturou Kadafi

Em leitura:

Guerrilheiro conta como capturou Kadafi

Tamanho do texto Aa Aa

Como, quem e em que circunstâncias são as perguntas que todos colocam sobre a morte do coronel Muammar Kadafi. As Nações Unidas já ordenaram a abertura de uma investigação.
 
Um dos guerrilheiros rebeldes que capturaram Kadafi contou o que aconteceu antes do líder ser abatido.
 
“Um homem negro chegou ao pé de nós e disse-nos primeiro que dentro dos armazéns estava o filho de Kadafi, Muttasim, e Ahmed Ibrahim, um líder militar. Uma hora e meia depois vimos 15 pessoas, e as nossas forças entraram em ação e capturaram-nas. Enquanto avançávamos víamos indivíduos a fugir e a correr para a esquerda e para a direita. Nessa altura estávamos mesmo em cima do buraco de Kadafi. Vimos então outras duas pessoas escondidas e depois de anularmos essa ameaça, enviamos mais homens para outro lado e mais quatro ou cinco pessoas saíram do buraco. Entregaram-se e disseram que Kadafi estava no buraco e ferido. Quando entrámos no buraco, vi a cabeça cabeluda dele e agarrei-o logo. Depois, todos os nossos guerrilheiros entraram e cercaram-no. Foi capturado dessa forma. Encontrámos esta pistola com ele e uma outra que está com um outro colega em Sirte”, referiu o combatente.
 
Uma coisa parece certa, Kadafi foi espancado e baleado. Por quem, é a grande questão. As imagens não mostram, o Conselho Nacional de Transição – a autoridade de facto – refere que Kadafi foi abatido no momento em que teve início um tiroteio entre guerrilheiros e forças leais ao antigo líder.