Última hora

Última hora

Que plano vai sair da cimeira da UE?

Em leitura:

Que plano vai sair da cimeira da UE?

Tamanho do texto Aa Aa

“Que saída para a Europa?” é a pergunta que se coloca em Bruxelas e um pouco por toda a parte antes de mais uma cimeira da União Europeia.

Espera-se um plano para estancar a crise da dívida soberana, após uma série de desacordos e adiamentos.

O acordo que deve ser alcançado nesta quarta-feira deve focar-se na redução da dívida grega, na ampliação do Fundo Europeu de Estabilidade Financeira (FEEF) e na pressão sobre a Itália para avançar para reformas económicas mais sérias. Não haverá, para já, um entendimento sobre a recapitalização dos bancos europeus.

Depois de rejeitada a ideia francesa de transformar o fundo num banco, França e Alemanha chegaram a um acordo sobre uma fórmula para reforçar o FEEF. Duas opções devem ser combinadas: um veículo de investimento de propósito especial para atrair investidores estrangeiros e um regime de seguro que proteja os compradores de novas obrigações italianas e espanholas.

Sem poder ou sem querer usar o Banco Central Europeu para fornecer as armas necessárias para combater o contágio nos mercados de obrigações, os países da zona euro ponderam obter fundos da China e de outras economias emergentes.

Resta saber se o acordo provável será suficiente para travar a crise e restaurar a confiança dos investidores.