Última hora

Última hora

Bolsas europeias afundam-se

Em leitura:

Bolsas europeias afundam-se

Tamanho do texto Aa Aa

As bolsas europeias afundaram-se esta terça-feira. As perdas aproximaram-se dos 7% em Milão e Atenas. Lisboa recuou quase 4%.

As quedas foram provocadas pelo anúncio de que o primeiro-ministro grego tenciona submeter a um referendo o segundo plano de resgate à Grécia.

“O que é certo é que estamos a ajudar a Europa a livrar-se da Grécia e vamos ver a economia grega a regredir muitas décadas. O Governo não tem noção da pressão do tempo que a economia grega enfrenta. Quem é que vai pagar as reformas em dezembro?”, é a pergunta deixada pelo economista Vangelis Agapitos.

O primeiro-ministro grego foi chamado a Cannes para se reunir com os líderes francês e alemão e representantes do Banco Central Europeu e do Fundo Monetário Internacional. A reunião de urgência acontece antes da cimeira do G20, que vai decorrer quarta e quinta-feira.

O euro desvalorizou face ao dólar. Na segunda-feira, a moeda única perdeu mais de 2% face ao dólar. Foi a maior desvalorização nas últimas duas semanas.

O petróleo também sofreu uma forte queda. O barril negociava perto dos 107 dólares em Londres e dos 90 dólares em Nova Iorque.