Última hora

Última hora

Síria: Mais vítimas mortais após acordo com Liga Árabe

Em leitura:

Síria: Mais vítimas mortais após acordo com Liga Árabe

Tamanho do texto Aa Aa

A Síria vive um clima de paz podre. O regime do presidente Bashar al-Assad aceitou um plano árabe para por termo à repressão sangrenta no país, mas da cidade de Homs chegam relatos de novos ataques.

De acordo com ativistas, as forças de segurança terão morto dezenas de pessoas esta quinta-feira.

O plano árabe prevê “a cessação imediata” da violência e a retirada dos tanques das ruas, antes do início de um “diálogo nacional” com a oposição.

“A Iniciativa Nacional apela às autoridades para trabalhar seriamente de forma a executar o compromisso e resolver a crise. Também apelamos a todos os partidos da oposição para atuarem em harmonia e trabalharem juntos para que este acordo tenha sucesso”, diz Mohamad Salman, da Iniciativa Democrática Nacional.

A chefe da diplomacia europeia apelou à Síria para aplicar “plena e rapidamente” o acordo alcançado com a Liga Árabe.

De acordo com as Nações Unidas, a repressão já provocou a morte de mais de 3 mil pessoas desde o início da insurreição em meados de março.